17 de novembro de 2012

O índicie da maldade 2012.

Amigos e amigas do Opinião e Crítica Brasil, o ano de 2012 já se finda e não sabemos o que guardar de um ano tão maldoso como esse. Maldoso em todos os sentidos.
De norte á sul do país, o que vemos foi um festival de ''bestialidade humana'' para com os seus semelhantes e animais indefesos. Sim amigos, ainda matam-se animais abundantemente país afora.
Quais as causas disso tudo ninguém sabe. Mas é fácil assimilar o porquê de tais coisas ocorrerem com frequência.
Não bastasse a maldade do próprio ser, defendido por vários psicólogos, antropólogos, sociólogos que adoram ''falar ao vento'' , tivemos mais uma vez, a já famosa e sempre comentada impunidade como argumento para tudo aquilo que é errado.
Desde os acidentes e mortes de trânsito causados pelo veneno entorpecedor do álcool, drogas e outras imundícies, o que mais se viu nesse ano foi a ''lei do coitadinho(a)'' funcionando constantemente.
Como esquecer as mortes violentas de dois garis, atropelados, quando trabalhavam na marginal do Tietê, ocorrido pelo excesso de velocidade, álcool e um ''monstro'' ao volante, ano passado? Bem como a de vários policiais e cidadãos mais recentemente, vítimas de homens que se acham donos de vidas alheias. Com qual direito?
O que acontece em nosso país, onde as leis não mudam nunca?
Como encerrar um ano, calcado em tragédias cotidianamente?
O que desejar e esperar para o próximo ano?
No Brasil, não se pode esperar nada de novo para o ano que se aproxima. Isso é pura utopia, delírios e devaneios de uma noite de verão.
Por todos os lados, crimes de toda a natureza, começando pelos ministros da Dilma, verdadeiros ''bastiões'' da política tupiniquim, ''enjaulados na complexa cadeia '' de roubos e desvios do dinheiro público para o seu bel prazer. E o povo?
Onde estão os deputados e senadores ditos sérios e com visões de mudanças em nossa sociedade, com vistas a melhorar a cabeça do cidadão? Balela pura. Conversa fiada apenas.
Que quadro podemos pintar do Brasil 2012?
Cremos que a trupe do mensalão, pelo menos vai para a cadeia. Ou não, se depender do Lewandowski. Deus salve Joaquim Barbosa.
Por todos os lados, gente descarada, vagabunda, bandida que adora destruir a vida de idosos, crianças, animais.Gente que adora extorquir de quem não tem e burlar as leis na maior naturalidade. Viva o Brasil!
Que cena poderemos guardar desse ano? De mais um bebê sendo encontrado em algum lugar do país, jogados ao própria sorte talvez? Dos traficantes se vangloriando de serem o terror da vida das pessoas no Rio em São Paulo, comandando de dentro das cadeias, o país inteiro?. Ou ainda a crueldade de uma tola ou débil mental chutando e jogando um yorkshire pela parede com uma criança de três anos, assistindo a tudo e chorando? Alguém aí se lembra disso ainda?
O que mais comoveu nesse país? O último titulo do campeonato estadual de futebol? Ou o nacional? A morte de estrelas do cinema, teatro, música e esporte?
Estamos encerrando 2012 cheios de dúvidas, medos e inseguranças constantes, porque não temos um resultado efetivo em nada. Não há em quem confiar.
Sem falar da alta dos preços, do desemprego, da falta de oportunidade e dos hospitais cada vez mais ''fornecedores'' de cádaveres para as funerárias,já que a falta de médicos em todos os lugares, é uma doença crônica.
Nossa educação sempre esquecida pelos políticos, gerou nesse ano, mais uma ''leva'' de futuros bandidos, traficantes, assassinos e doentes da cabeça, destruindo famílias inteiras. Gerou com certeza, novos Wellington's da vida, dispostos a matar a qualquer preço.
São Paulo virou refém da bandidagem, e nosso belo e incompetente governador dizendo que não há mais violência no estado. Acorda povo.
Encerramos 2012 como 2011. Ou seja, na mesma.
Os fatos são os mesmos ontem e hoje, e será também, ainda pior pelo que se vê, no próximo ano.
Mas teremos a '' Copa das Confederações '', no Rio de Janeiro e tudo melhorará, já que vamos de uma vez por todas, esquecer nossos velhos problemas. O negócio é torcer.

2 comentários:

Patrícia do Vale disse...

Nosso país não tem noção de nada o que esta acontecendo o indice de maldade, claro maldade tem por todo mundo. Sinto que a presidenta Dilma não esta nem aí esses ultimo meses não houve mas gente inocente morrendo por causa dos policiais envolvidos com traficantes trocando tiros e assim vai por diante. Como o cantor Renato Russo fez a musica ao mesmo tempo fez pergunta Que país é esse? Refere-se o Brasil. Politicos roubando, Justiça é lenta etc... Ou seja se um de nós brasileiros matar alguém não vamos ser presos vamos ficar indo e voltando, é assim que eu vejo o nosso Brasil abra as portas para os assassinos, corruptores essa violencia nunca acaba. Claro que precisamos a paz só assim... precisamos viver como normal, mas estamos vivendo um mundo anormal.

Nelson Ventura disse...

Meu caro amigo Jonas, enquanto o povo deste país colocar acima de tudo coisas fúteis como Futebol e Novela, nós estamos Perdidos, a Mediocridade do povo brasileiro chegou à um nível, que se você contasse isso a 20 ou 30 anos atrás ninguém acreditaria, Junta Governo e a grande Mídia, ambos corruptos, para manipular e destruir o modesto intelecto do Brasileiro.
Ninguém percebeu que essa eleição do " Maior Brasileiro de Todos os Tempos" nada mais é que uma forma da grande mídia e governo medir o nível de imbecilidade do povo,e
você vê que na lista aparece desde "Joelma do Calypso à Luan Santana e pseudo aberrações afins" e isso por si só já basta, ou seja eles estão conseguindo o querem.