24 de fevereiro de 2013

Voltando.

Amigos e amigas do Opinião e Crítica Brasil., voltei. Pelo menos espero ter voltado.
Em 2012, criei apenas duas postagens, pois já estava cansado de ver tantas coisas erradas e ver que as mesmas nunca mudam. Mas, o que há de se fazer, não é?
Aos poucos vou voltando, sempre ácido e sem medo da verdade. Isso jamais mudará em mim, nunca.
Começamos 2013 com as mesmas mentiras, mesmas promessas e as mesmas tragédias. Isso nada mais é do que continuidade.
Tivemos logo de início, péssimo por sinal, a morte de 236 jovens em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, e que ficará, pelo menos em tese, esquecido por muito tempo. Logo, o Brasil acordou para suas falhas constantes e intermináveis dos esquemas de corrupção por parte de empresários e administração pública. A vida seguirá de qualquer maneira.
Houve comoção e muito blá blá blá para saber de quem foi a culpa, de como o fogo começou, de como o artista iluminou e escureceu várias vidas naquela noite. Apareceram peritos criminais, técnicos disso e aquilo, pressão da imprensa, e o que mudou?
Até nossa presidenta Dilma se mostrou consternada com a tragédia, chorou e marcou presença no velório coletivo. Uma onda de amor e ternura para com as famílias vítimas.
Difícil amigos, encontrar uma reposta para tantas perguntas e nunca encontrar uma resposta. Isso jamais teremos.
Logo veio o carnaval e tudo virou alegria na avenida, com as mesmas balelas de sempre. Fantasias caríssimas para uma noite só, corpos esculpidos para a disputa de flashes e um lugar de destaque na mídia sedenta de novos rostos e bundas. Pura idiotice.
A violência voltou a dominar os noticiários, com os sempre desafiadores da sociedade, ordenando, como se fossem patrões da vida do povo, atear fogo em vários ônibus em Santa Catarina. Cadê a autoridade policial hein?
E o que dizer de José Genoíno, assumindo cargo de deputado e Renan Calheiros presidente do senado,dá para dizer algo? Óbvio que não, somos palhaços.
Bem recentemente, assistimos indignados á um julgamento que durou cinco dias e uma condenação de 33,8 anos para Gil Rugai, acusado de matar o pai e madrasta há 9 anos passados. Resultado?
Gil Rugai saiu do fórum da Barra Funda, zona oeste de São Paulo, pela porta da frente para recorrer da decisão, em liberdade. Lindo isso, não?
E você ainda se orgulha de ser brasileiro.

3 comentários:

Anônimo disse...

Maluco Beleza - São Paulo

Cara, não sei quem é você e nem pretendo, ma seu blog é legal pra caramba. Muito bem feito e de uma ética invejável.
Abraços.

genesio silva disse...

50% do povo brasileiro sao hipocritas ao dizer que tem orgulho de ser brasileiro.eu tenho vergonha de ser brasileiro aqui nao tem leis parece um faroeste.

genesio silva disse...

50% do povo brasileiro sao hipocritas ao dizer que tem orgulho de ser brasileiro.eu tenho vergonha de ser brasileiro aqui nao tem leis parece um faroeste.